Principal / NOTÍCIAS / Gabriel Medina é apenas multado e está apto para competir em Bells Beach.
Gabriel Medina é apenas multado e está apto para competir em Bells Beach.

Gabriel Medina é apenas multado e está apto para competir em Bells Beach.

Campeão mundial vai competir em Bells. Foto: WSL

 

Ponto final na especulação. Apesar de ainda não ser revelado o valor em questão, a World Surf League (WSL) já anunciou que Gabriel Medina será apenas multado após o episódio da interferência com Glenn Hall, e consequente entrevista pós-heat, onde acabou por soltar algumas críticas com um palavreado pouco apropriado, segundo a sensura da WSL. O campeão mundial não vai pegar qualquer outro tipo de suspensão, e vai estar apto para competir em Bells Beach na segunda etapa do World Tour 2015.

Segundo a própria WSL o fato de Medina e Hall terem prontamente resolvido a situação mostrando que o incidente não tinha afetado a amizade existente entre ambos e também o fato do brasileiro ter ido ao morning show do dia seguinte explicar a situação  acabaram por ser um atenuante considerável. Gabriel Medina terá apenas de pagar uma multa pelo mau comportamento escapando assim de qualquer suspensão.

“A comissão disciplinar da WSL concluiu a investigação sobre o incidente Medina/Hall durante o Quiksilver Pro Gold Coast”, pode ler-se num comunicado da WSL reproduzido pelo site da Stab Magazine o seguinte; “Depois de conversarmos com ambas as partes envolvidas, e de rever as imagens a comissão de disciplina determinou que Medina violou o código de conduta dos atletas, e como consequência disso será multado. O fato de Medina vir a público tentar que as pessoas não interpretassem mal a relação que tem com Glenn Hall foi levado em conta, e apreciamos esse gesto. Desejamos boa sorte a ambos em Bells Beach”, termina a sentença.

Medina teve mais sorte que Jeremy Flores, que no ano passado acabou suspenso por um mês, perdendo dois eventos (uma etapa do Tour e um Prime), depois de um incidente com os juízes em J-Bay. No entanto, as situações forão completamente diferentes, sendo que o francês tinha ameaçado fisicamente os juízes, apesar de o episódio não ter sido público, e de nem sequer existirem imagens deste fato.

A competição segue agora para Bells Beach, onde a partir de 1 de abril e até 12 do mesmo mês, o circuito masculino e feminino vai competir na segunda etapa do ano. Dessa forma já é conhecido o heat draw, sendo que Gabriel Medina vai continuar como número 1 do seeding e Mick Fanning como número 2. O brasileiro vai estrear  frente a Matt Banting e um wildcard, sendo que o australiano vai medir forças com Fred Patacchia e o outro wildcard.

Estão assim lançados as cartas para a 53.ª edição do campeonato mais antigo do surf profissional. Falta pouco mais de uma semana para os sinos tocarem …

 

Rip Curl Pro Bells Beach Round 1 Match-Ups:
Heat 1: Taj Burrow (AUS), Wiggolly Dantas (BRA), Jeremy Flores (FRA)
Heat 2: Adriano de Souza (BRA), Kai Otton (AUS), Brett Simpson (USA)
Heat 3: Kelly Slater (USA), Sebastian Zietz (HAW), Ricardo Christie (NZL)
Heat 4: John John Florence (HAW), Italo Ferreira (BRA), C.J. Hobgood (USA)
Heat 5: Mick Fanning (AUS), Freddy Patacchia Jr. (HAW), TBD
Heat 6: Gabriel Medina (BRA), Matt Banting (AUS), TBD
Heat 7: Jordy Smith (ZAF), Adrian Buchan (AUS), Keanu Asing (HAW)
Heat 8: Michel Bourez (PYF), Nat Young (USA), Dusty Payne (HAW)
Heat 9: Joel Parkinson (AUS), Miguel Pupo (BRA), Glenn Hall (IRL)
Heat 10: Josh Kerr (AUS), Bede Durbidge (AUS), Adam Melling (AUS)
Heat 11: Filipe Toledo (BRA), Owen Wright (AUS), Jadson Andre (BRA)
Heat 12: Julian Wilson (AUS), Kolohe Andino (USA), Matt Wilkinson (AUS)

Rip Curl Women’s Pro Bells Beach Round 1 Match-Ups:
Heat 1: Malia Manuel (HAW), Bianca Buitendag (ZAF), Laura Enever (AUS)
Heat 2: Sally Fitzgibbons (AUS), Silvana Lima (BRA), Nikki Van Dijk (AUS)
Heat 3: Carissa Moore (HAW), Dimity Stoyle (AUS), TBD
Heat 4: Stephanie Gilmore (AUS), Tatiana Weston-Webb (HAW), Alessa Quizon (HAW)
Heat 5: Tyler Wright (AUS), Johanne Defay (FRA), Sage Erickson (USA)
Heat 6: Lakey Peterson (USA), Courtney Conlogue (USA), Coco Ho (HAW)

 

Por: Surf Today / Fonte: Surf Portugal.

Sobre JR Mirabelli

Comments are closed.

Voltar ao Topo