Principal / NOTÍCIAS / Oi SuperSurf 2015 entra na reta final em Florianópolis.
Oi SuperSurf 2015 entra na reta final em Florianópolis.

Oi SuperSurf 2015 entra na reta final em Florianópolis.

11892071_898929176856598_5705113355787644236_n

11933438_901109789971870_6969937267218939191_n

Praia da Joaquina será o palco nos dias 9 a 13 de setembro da terceira das quatro etapas da principal competição do circuito da Associação Brasileira de Surf Profissional (ABRASP)

Depois de passar pela cidade dos antigos Festivais de Surf da década de 70 em Ubatuba (SP), o Oi SuperSurf 2015 parte para outro palco histórico do esporte das ondas no pais, a Praia da Joaquina, em Florianópolis. Foi lá que em 1986, numa reunião entre empresários de surfwear e surfistas, foi fundada a Associação Brasileira de Surf Profissional (ABRASP) e no ano seguinte inaugurado o primeiro circuito com várias etapas para definir o campeão brasileiro da temporada. A velha “Joaca” volta a sediar uma etapa do Oi SuperSurf nos dias 09 a 13 de setembro depois de sete anos, pois a última vez foi em 2008, com Willian Cardoso festejando sua única vitória na competição que por uma década – de 2000 a 2009 – realizou o circuito nacional mais rico do mundo.

O catarinense brilhou no segundo desafio do Oi SuperSurf 2015, ao arrancar a maior nota do ano na Praia Grande de Ubatuba (SP). O 9,93 recebido por Willian Cardoso superou o 9,80 que o jovem ubatubense Weslley Dantas tinha conseguido no primeiro dia para bater o 9,63 do recorde do pernambucano Halley Batista na primeira etapa na Praia de Maresias, em São Sebastião, também no litoral norte de São Paulo. Willian descreveu como foi a melhor onda pontuada nas 166 baterias disputadas por 182 surfistas de treze estados do país esse ano.

“Quando entrou essa direita, ela ganhou uma sessão na frente e eu saí acelerando para passar dela, depois fui desferindo um monte de manobras e teve uma que gostei bastante, a prancha passou e a rabeta explodiu jogando bastante água. Acho que essa foi a manobra da onda”, contou Willian Cardoso. “Quanto acabei a onda, eu já sabia que a nota ia sair próxima do 10. Foi uma onda de cinco a seis manobras bem feitas, com velocidade sem mexer muito a prancha. Acho que faltou a finalização, porque não consegui chegar a tempo de fazer mais uma manobra. Acho que se tivesse feito ela mais limpa, teria saído cinco notas 10, mas estou amarradão assim mesmo”.

RANKING OI SUPERSURF – Além de Willian, outro catarinense se destacou ainda mais no Oi SuperSurf de Ubatuba, Tomas Hermes. Ele ganhou o confronto de campeões brasileiros contra o paranaense Jihad Kohdr que decidiu o título da etapa na Praia Grande. Jihad foi o número 1 do Brasil em 2007 durante a “década de ouro” do circuito da ABRASP, enquanto Tomas conquistou o seu em 2011, quando já não havia mais um carro zero quilômetro de prêmio para o campeão. Com a vitória em Ubatuba, Tomas Hermes subiu para o segundo lugar no ranking brasileiro que continuou com o paulista Flavio Nakagima na frente, mas é o melhor do Oi SuperSurf 2015, computando somente os resultados das duas etapas disputadas no litoral paulista.

Os confrontos de várias gerações do surfe brasileiro foram uma constante na maioria das baterias realizadas tanto na Praia de Maresias de São Sebastião, como na Praia Grande de Ubatuba. Nesta segunda etapa, a mais simbólica foi a que envolveu o cabo-friense Victor Ribas com o pernambucano Ian Gouveia. Vitinho competiu durante quase toda a carreira contra o pai dele, Fábio Gouveia, chegou a pegar Ian no colo e cuidar dele nas viagens pelo mundo. Os dois já haviam se enfrentado em outras competições e Ian sempre acabava eliminando Ribas, mas desta vez os dois se classificaram juntos para a fase seguinte.

A expectativa é mais uma vez de lotação máxima para o Oi SuperSurf 2015 de Florianópolis, com o limite de 160 participantes rapidamente preenchido. E toda torcida fica para que a Praia da Joaquina apresente boas ondas durante a semana de 9 a 13 de setembro para o show das estrelas do passado, do presente e do futuro do surfe brasileiro na Ilha da Magia. Com 6.000 pontos em jogo para o vencedor, os dezessete primeiros colocados no ranking da ABRASP têm chances matemáticas de brigar pela ponta na corrida do título brasileiro em Santa Catarina. A batalha principal será entre os top-5, Flávio Nakagima (1.o), Tomas Hermes (2.o), Hizunomê Bettero (3.o), Charlie Brown (4.o) e Jihad Kohdr (5.o), mas a lista dos concorrentes segue até Willian Cardoso (17.o).

O Oi SuperSurf terá quatro etapas esse ano com patrocínio da Oi e da marca Smolder de surfwear, realização da Associação Brasileira de Surf Profissional (ABRASP) com a Casa da Árvore e Revista Hardcore, participação especial de Furnas e transmissão ao vivo na internet pelo http://oisupersurf.com.br/ Depois da etapa de Florianópolis (SC), a temporada será encerrada nos dias 7 a 11 de outubro na Praia de Itaúna, em Saquarema (RJ).

A OI E O ESPORTE – A Oi tem longo histórico de apoio ao esporte, com patrocínios a grandes eventos, equipes e atletas. A Oi foi uma das patrocinadoras oficiais da Copa do Mundo da FIFA Brasil 2014 e da Copa das Confederações da FIFA Brasil 2013, também apostou no basquete patrocinando o NBA Global Games Rio 2014 e o torneio NBA 3X com o Oi Galera, que tem como embaixador o campeão mundial Gabriel Medina. Neste ano, já patrocinou os Jogos Cariocas de Verão, o Oi Bowl Jam de skate e o incentivo da Oi a projetos esportivos, principalmente de esportes radicais e urbanos, é um dos pilares de investimento de marketing da Oi. A companhia tem grande expertise na participação, com patrocínio ou prestação de serviços de telecomunicações em grandes competições realizadas no país, como o Oi Rio Pro, etapa brasileira da World Surf League, e agora o Oi SuperSurf.

————————–————————–————————–———————————————————–——————

TOP-20 DO RANKING BRASILEIRO – ABRASP 2015 – 5 etapas:
1.o: Flavio Nakagima (SP) – 10.505 pontos
2.o: Tomas Hermes (SC) – 10.270
2.o: Hizunomê Bettero (SP) – 9.900
4.o: Charlie Brown (CE) – 9.140
5.o: Jihad Kohdr (PR) – 8.750
6.o: Thiago Camarão (SP) – 8.210
7.o: Alex Ribeiro (SP) – 7.960
8.o: Thiago Guimarães (SP) – 7.820
9.o: Deivid Silva (SP) – 7.535
10: Marco Fernandez (BA) – 7.010
11: Krystian Kymerson (ES) – 6.660
12: Alandreson Martins (BA) – 6.540
13: Messias Felix (CE) – 6.380
14: Ian Gouveia (PE) – 6.310
15: Matheus Navarro (SC) – 6.150
16: Saulo Junior (SP) – 6.115
17: Willian Cardoso (SC) – 5.955
18: Odirlei Coutinho (SP) – 5.700
19: Paulo Moura (PE) – 5.680
20: Bino Lopes (BA) – 5.550
——mais 168 surfistas já pontuaram no ranking 2015

TOP 16 NO RANKING DO OI SUPERSURF 2015 – 2 etapas:
1.o: Tomas Hermes (SC) – 9.660 pontos
2.o: Flavio Nakagima (SP) – 9.000
3.o: Charlie Brown (CE) – 8.820
4.o: Hizunomê Bettero (SP) – 8.040
5.o: Jihad Kohdr (PR) – 7.080
6.o: Thiago Guimarães (SP) – 6.780
7.o: Krystian Kymerson (ES) – 6.660
8.o: Alex Ribeiro (SP) – 6.540
9.o: Thiago Camarão (SP) – 6.300
10: Marco Fernandez (BA) – 6.000
11: Deivid Silva (SP) – 5.820
12: Ian Gouveia (PE) – 5.700
13: Alandreson Martins (BA) – 5.580
14: Willian Cardoso (SC) – 5.400
15: Bino Lopes (BA) – 5.100
15: Odirlei Coutinho (SP) – 5.100
15: Matheus Navarro (SC) – 5.100

 

Por: Surf Today / Fonte: Assessoria de Imprensa OI SUPERSURF:

Camila Coimbra – (21) 97394-6785 – camila.coimbra@mginpress.com.br
Fernando Vieri – (21) 99699-4138 – fernando.vieri@mginpress.com.br
João Carvalho – (48) 9988-2986 – jbcsurfnews@hotmail.com

Comunicação Corporativa Oi
Adriana Castelo Branco – adriana.castelobranco@oi.net.br
Oi Fixo (21) 3131-1103 – Oi Celular (21) 98899-9146

Sobre JR Mirabelli

Comments are closed.

Voltar ao Topo